Solenidade de Corpus Christi é celebrada na matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, em Brumado

Por Priscila dos Santos/PASCOM Brumado


Postado em 04/06/2021


Solenidade de Corpus Christi é celebrada na matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, em Brumado

Foto: Agentes e colaboradores da Pascom/Brumado

Dia 03 de junho de 2021 é a data da celebração solene de Corpus Christi. Na Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão de Brumado-BA houve a seguinte programação: às 7h, celebração eucarística; das 9h ao meio-dia o Santíssimo Sacramento foi exposto para adoração e houve distribuição da sagrada comunhão e às 18h, a santa missa presidida pelo pároco padre Sandro Alves Teixeira Lima. O momento contou ainda com a presença dos representantes dos leigos e dos seminaristas do período propedêutico do Seminário São José, atualmente sediado em Brumado-BA.

Em obediência às normas sanitárias, por conta da pandemia da Covid-19, o número de fiéis na assembleia foi restrito e o tradicional tapete, confeccionado pelos membros das comunidades pertencentes à paróquia, não foi feito. Contudo, mesmo diante desse tempo atípico, os cristãos recordaram a solenidade, valorosa para a fé católica, pois é a celebração do mistério eucarístico, do amor-doação. 

A celebração seguiu seu roteiro litúrgico: Ex 24,3-8; Sl 115; Hb 9,11-15 e Mc 14,12-16.22-26. Após as proclamações das leituras, padre Sandro realizou a homilia e afirmou, logo de início, que o momento é de “fazer a grande memória do Cristo que se entrega por nós”. 

Depois ele destacou: “tudo deve iniciar e concluir-se na eucaristia […]” e “a eucaristia deve nos levar sempre a uma mudança de vida”. Ainda citou o seguinte: “[…] não podemos ficar alheios a situações diversas que ocorrem em nossas famílias e no mundo inteiro”. Ao encerrar a homilia, agradeceu a todos (as) pela vivência do dia e pediu a intercessão de Maria e São José pelas famílias, para serem segundo o coração de Deus.

Após a reflexão, houve a continuidade da santa missa. Na sequência, a exposição e bênção do Santíssimo Sacramento e uma simbólica procissão dentro da igreja matriz. E, depois do sacerdote ter conduzido Jesus eucarístico, por fim, agradeceu aos fiéis por estarem reunidos, mesmo que em pequena quantidade, para celebrarem a fé católica.