Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão de Brumado-BA celebra a Natividade de Nossa Senhora

Por Priscila dos Santos/PASCOM Brumado


Postado em 10/09/2021


Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão de Brumado-BA celebra a Natividade de Nossa Senhora

Foto: Zilmar Santana/Pascom Brumado

Na noite do dia 08 de setembro de 2021, às 19h30, na igreja matriz da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão, aconteceu a celebração festiva da Natividade de Nossa Senhora. O momento, de acordo à liturgia, recorda quando Deus inicia o plano da salvação, pois o nascimento de Maria é motivo de júbilo, pois também por meio dela, veio ao mundo Jesus, nosso redentor.

A festa celebrada também lembrou do centenário da Legião de Maria, que neste mês de setembro, faz 100 anos desde sua fundação em Dublin, na Irlanda. O centenário é uma ocasião oportuna para fazer memória dos trabalhos relacionados à Legião, associação com o lema: “Um Exército em Ordem de Batalha”, formada por leigos (as) que atuam de maneira voluntária com a seguinte finalidade: colaborar na ação evangelizadora da Igreja católica. 

A santa missa foi celebrada pelo pároco padre Sandro Alves Teixeira Lima e contou com a participação dos seminaristas do período propedêutico da Diocese de Caetité-BA, dos legionários das duas Paróquias de Brumado-BA e outros representantes leigos (as). Ao iniciar a festividade, o sacerdote deu as boas-vindas a todos (as) presentes e aos que acompanhavam pelas redes sociais da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida e São Cristóvão.

Logo após, houve a proclamação da Primeira Leitura (Mq 5,1-4a), depois o cântico (Sl 70), na sequência o Evangelho (Mt 1,1-16.18-23) e depois a homilia. O pároco padre Sandro mencionou a importância de celebrar a eucaristia e lembrou Maria como primeiro sacrário em que Jesus habitou. Também citou: Deus chama a cada um para uma grande missão e celebrar a natividade de Nossa Senhora é fazer recordação da aliança do Senhor com o seu povo.

Lembrou ainda a origem do nascimento de Jesus, o discipulado da Legião de Maria e os projetos do Senhor para a vida de cada um de nós. Ao finalizar a reflexão, pediu a graça, para assim como Nossa Senhora, aprendamos a valorizar ainda mais o dom da vida, discernimento para entregarmos aos braços do Pai e fez memória das atividades dos (as) legionários (as). 

Em seguida, a celebração percorreu o roteiro litúrgico e, ao término, o pároco padre Sandro deu a benção final, agradeceu a todos (as) pela presença física e virtual e juntamente com toda a assembleia cantou o tradicional parabéns aos legionários e legionárias por essa data e depois todos rezaram a oração da Ave-Maria pedindo a Deus mais operários para a messe do Senhor.